Gonçalo Guerra – “Sabe bem ser um músico português”

Quando terminou a licenciatura, decidiu parar um ano e, entretanto, a vida deu-lhe música. E, assim, agarrado à guitarra, Gonçalo Guerra lançou aos 25 anos dois singles – o primeiro Tudo o que és saiu, em dezembro, e integra a novela Ouro Verde da TVI.

 

Transmontano de gema, Gonçalo Guerra nasceu e cresceu feliz em Pedras Salgadas, uma vila em Trás-os-Montes.

A sua mãe adorava música e passou-lhe a paixão – quem saí aos seus não degenera,já diz o provérbio. Entre os 8 ou os seus 10 anos, a mãe de Gonçalo Guerra comprou uma guitarra acústica, mas como não tinha tempo para as aulas, o jovem artista começou assim a aprender na internet, as músicas que gostava. Entre o seu grupo de amigos, era o que tocava a guitarra – sendo quem cantava e animava o ambiente.

A música acompanhou-o sempre, mas deixou a chama apagar porque pensou que nunca poderia fazer da música profissão.

A engenharia foi uma área que sempre o interessou. Gostava de desmontar e ver como funcionavam as coisas, contou à FAIRE o músico. E, por isso, prosseguiu estudos na área, tanto que admite que “se tivesse que deixar a musica, era engenheiro de energias sem problemas”.

Mas é a música que comanda a sua vida. Depois de licenciar-se, “estava a pensar o que é que haveria de fazer, então decidi tirar um gap year”, conta Gonçalo Guerra que na altura candidatou-se a mestrados, tendo sido aceite inclusivamente em universidades no Reino Unido e no Porto. Mas entretanto, a vida trocou-lhe as voltas e, durante esse ano, voltou a agarrar a sua guitarra e a compor.

Das composições à editora Warner Music, foi “um pulinho” diz o artista. Começou a enviar temas e conseguiu o apoio, deixando assim as engenharias pela paixão da música – Gonçalo Guerra admite que já escreveu mais ou menos 100 músicas, saí-lhe compulsivamente, acorda e escreve.

É na Warner Music onde estão também alguns dos seus maiores ídolos, como Miguel Araújo e Os Azeitonas. E foi devido à editora que agora vive no Porto para dedicar-se à sua carreira como músico.

O seu primeiro single Tudo o que és saiu em dezembro e integra a banda sonora da novela Ouro Verde da TVI. A mãe sempre o apoiou e quando ouviu a música, na novela da noite, não poderia ficar mais orgulhosa. Houve amigos que nem acreditaram que era Gonçalo quem dava voz ao tema.

O segundo foi divulgado recentemente e chama-se Nós Ficámos. A inspiração? Não sabe a origem, talvez do dia a dia, das pessoas que o rodeiam ou das suas relações contou.

No fundo, Gonçalo Guerra quer transmitir “não uma mensagem especifica, mas sim emoções”, numa época de ouro para a música portuguesa, segundo o artista. Acredita que, atualmente, há grandes compositores e, por isso, “sabe bem ser músico português” admite Gonçalo que ambiciona subir a vários palcos.

Para quem gosta de escrever, compor e cantar, Gonçalo Guerra aconselha esses a arriscar “com conta e medida e ter ciente do que podemos e devemos fazer”.

A palavra que define o seu futuro? Música!

 Newsletter