Globos de Ouro: Maria do Céu Guerra vence Prémio de Mérito e Excelência

Globos de Ouro: Maria do Céu Guerra vence Prémio de Mérito e Excelência

A tão aguardada noite no mundo das artes e do entretenimento teve lugar no Coliseu dos Recreios que estendeu a passadeira vermelha às personalidades de maior renome e destaque naquela que é a XXIV gala dos Globos de Ouro.

Nesta Gala foram destacados os premiados nas áreas de Teatro, Música, Moda, Humor, Entretenimento, Digital, Cinema, Revelação do Ano e Prémio de Mérito e Excelência.

Maria do Céu Guerra foi a personalidade escolhida este ano para receber o troféu máximo atribuído pela organização dos Globos de Ouro, o Prémio Mérito e Excelência, que foi entregue pelo Presidente do Conselho de Administração do Grupo Impresa, Francisco Pinto Balsemão.

Maria do Céu Guerra de Oliveira e Silva nasceu a 26 de maio de 1943 é atriz e encenadora. Frequentou o curso de Filologia Romântica da Faculdade de Letras de Lisboa. Foi nesta altura que despertou para a paixão que iria determinar os seus dias: o Teatro.

Francisco Pinto Balsemão fez questão de enaltecer os valores e o trabalho da artista. Foi através de um vídeo sobre a sua vida e carreira que se homenageou Maria do Céu Guerra. A homenagem termina com as seguintes palavras: “somos o movimento perpétuo do legado de uma atriz que há lágrima, sorriso, labor, e cumplicidade, humildade e saber estar, presença e graciosidade. Eis o tempo que foi, o tempo que é e que assim será: Maria do Céu Guerra.”

A atriz subiu ao palco emocionada. Quando recebeu o prémio em mãos começou por agradecer e enaltecer toda a gente que lutou pela arte. “Muito obrigada ao nosso país que me deixou, no final de contas, fazer uma carreira que me permite receber este prémio”, afirmou a vencedora. Termina o seu discurso a referir Fernanda Montenegro. “Neste momento tão importante para mim, tenho de me lembrar da minha querida amiga Fernanda Montenegro, que está no Brasil em dificuldades e está a ser insultada por um governo que não merece aquele país.”, pedindo a atriz que o público dedica-se uma parte das ovações a Fernanda por tudo o que ela deu a Portugal.

 Newsletter