Ela cozinha na Caketerie: Quiche de brócolos e camarão

 

Vamos lá a outra receita de Verão, Quiche de brócolos e camarão!
Uma excelente opção de almoço leve e fresco, para depois ir dar uns mergulhos na piscina.
Preparados? Vamos começar?

 

 

 

O que precisamos?
⁃ 1 embalagem de massa quebrada redonda, fresca;
⁃ 1 ramo de brócolos fresco;
⁃ 1 cebola média;
⁃ 1 embalagem de camarão congelado;
⁃ 1 pacote de Natas culinária;
⁃ 1 pacote de Natas com cogumelos (já se vende assim);
⁃ 5 ovos;
⁃ 1 chávena de queijo ralado (a gosto);
⁃ Azeite, Sal e Pimenta q.b.;

Como fazemos?

– Seguindo as indicações da embalagem, colocamos a massa quebrada numa tarteira, deixando ficar o papel vegetal em que ela vem embalada e picamos levemente a massa do fundo da tarteira (a ideia não é furar totalmente a massa, apenas fazer com que ela não cresça muito no forno) se ela for maior que a tarteira, dobramos os cantinhos para dentro de forma a fazer um rebordo reforçado e reservamos no frigorífico.

– Vamos lavar os nossos brócolos, cortar em raminhos pequenos e por a cozer em água temperada com sal ou em vapor se tiverem o acessório para cozer a vapor.

– Numa frigideira, vamos colocar a cebola (pode ser aos cubinhos ou as rodelas como gostarem mais) e aproximadamente 1 a 2 colheres de sopa de azeite e salteamos até “vidrar” a cebola (ponto em que a cebola fica transparente).

– Juntamos os camarões e salteamos até a água que eles vão soltar, evaporar.

– Juntamos agora os brócolos bem escorridos e deixamos saltear mais um pouco para que os brócolos ganhem sabor e evapore a água em excesso.

– Está na hora de ligar o forno para o pré-aquecer à temperatura indicada na embalagem da massa quebrada.

– Numa tigela batemos os ovos até estarem homogêneos e depois juntamos os pacotes de Natas (um de cada vez, é mais fácil) e temperamos com sal e pimenta (não esquecendo que o bacon já tem um teor de sal elevado).

– Está quase pronto! Agora colocamos o salteado na tarteira e cobrimos com a mistura de natas e ovos e finalizamos com o queijo ralado por cima.

– Levar a tarteira ao forno com cuidado para não entornar (a tarteira vai estar cheia até ao topo) e deixar cozer até ficar douradinha no topo, aproximadamente 30 a 40 minutos.

E já está agora é só degustar está maravilha, quente ou fria, só ou acompanhada com uma salada! E viva o Verão!

 

Por Sónia Loureiro

 Newsletter